12 de set de 2010

Regras

Você não pode diminuir a velocidade
Nem correr demais
O radar registra quando você corre
Tem que se preparar para o impossível e sorrir para o improvável
Aceitar a mão que te indica
E perceber se ela te perturba
Esperar uma mudança, mas fazer acontecer
Lutar, não com armas, mas com gestos
Respirando pensamentos alheios
Olhando paisagens distantes
Somando perdas e ganhos
Equilibrando o prazer e o doer
Atirando a dor para onde ela for
Sem te levar
Pois levar a dor consigo
É fazer mais um corte
Criar mais uma cicatriz

É não poder chorar
E se chorar, que seja sozinho, parado no farol vermelho
No momento em que ninguém te vê

E se sorrir
Que seja pouco
Para que ninguém atrapalhe sua felicidade
Enfim, viver é simples
Basta apenas respirar!

4 comentários:

Jonny disse...

É uma questão de termos alguma diplomacia para coexistirmos, mas que é muito bão chutar o pau da barraca, ah, é sim! Mas, é claro, chutar o pau com elegância. ;)

lucio disse...

li seus textos, sao bons, mas senti muito pessimismo, conformismo, auto-repressao, auto-vitimizacao. Acho que voce tem uma tendencia pra isso, e é bom atentar! é uma questao de consciencia. o mundo é (e responde) de acordo como o vemos. E o podemos ver nos agarrando ao que nao é do jeito que a gente quer ou aceitando como é, mas sem resignação ou conformismo, e sim com muita consciencia e compreensao. Adoro esses assuntos, se quiser conversar mais, tamos aí.

Maria disse...

Ou então a gente não se importa com regra nenhuma e vive sendo feliz. Pode ser também...

beijinho, querida =*

Anônimo disse...

Bom, muito se ouve que viver a vida é algo fácil.

Aos "gelados" de coração, 100% razão, é claro que é fácil.

Aos "vivos", com sangue correndo fervorosamente pelas veias,tal facilidade muitas vezes é complexa demais.
Pertencer a este grupo, é a certeza de estar VIVO.

Agir de forma coerente, ter uma resposta sábia na ponta da lingua, manter a compostura...

Maquinas humanas, por acaso somos?
Alguns são!

Eu não!

Metemos pés pelas mãos, somos impulsivos, fodemos com tudo, fazemos e nos arrependemos, erramos, acertamos e parece nunca aprendermos com tudo.

A vida é um jogo, cada jogador com a sua "habilidade".

Abração!
CAONINO.

  © Blogger template Werd by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP