27 de out de 2011

Fugir

Passamos a vida toda fugindo dos nossos medos, não encarando a realidade, ai vem a morte e leva tudo, inclusive o medo.

18 de out de 2011

Jogo de azar

As cartas podem ser marcadas
As apostas, indecorosas
Mas o melhor que eu tinha para jogar
Joguei
Depositei as fichas, todas elas, no seu jogo
Entrei para ganhar
Para conseguir o prêmio
Apostei!
Você teve bônus
Como prêmio máximo, eu
E eu
Na condição de jogadora novata perdi o jogo para você

9 de out de 2011

Para ser eterno

E então eu deitaria no seu colo
Deixaria lá um pouco de mim
E ficaria com um pouco de você
Seu cafuné me devolveria aos bons tempos
E com meus olhos fechados sentiria seu carinho
Por um momento seus planos e os meus seriam apenas um
Seus dedos passavam entre os meus cabelos fazendo sentir aquele soninho gostoso
Minhas mãos passariam suavemente sobre seus braços
Você, que sempre tem resposta a tudo
Não tinha palavras para mim
Só me olhava...
Eu me entreguei completamente aquela sensação e torcia em silêncio para que você nunca mais fosse embora
Seus lábios finalmente encostavam-se ao meus 
E meus sentimentos confusos queriam te pedir para ficar, mas eu não dizia
Você em silêncio continuava a me olhar
Eu, paralisada queria te pedir para ficar
Nós dois achávamos que já sabíamos tudo
Nós dois queríamos saber ainda mais

Aquela cena poderia ficar congelada pela eternidade



2 de out de 2011

Tão pouco

É uma briga por conta de uma besteira
E porque a porta do carro ralou no poste
É porque a vaga que era sua, que você deu seta avisando que ia entrar do estacionamento do supermercado foi ocupada por alguém bem mais rápido e bem mais esperto que você
É o tipinho "to nem ai" para aquele cara que está ai para você, enquanto você fica treinando o que vai ou não falar para ele não perceber
É tanta coisa
E tanta coisa pequena, ínfima!
Tantos detalhes que se tornam gigantes diante da covardia do mundo que a gente fica assim
Com medo
Pensando em como se esconder diante do mundo
Em como não demonstrar sentimento
Um dia iremos embora deste mundo e ai?
Ainda vai valer a pena?

(texto feito em homenagem a irmã de uma amiga que eu não cheguei a conhecer, mas que faleceu dormindo hoje)

Excesso

Está tudo aqui
Amor de sobra
Carinhos e mimos
Um coração explodindo de carinho
Está tudo aqui dentro de mim
Preso
Implorando para ser solto
Tenho tudo em grande quantidade
Está tudo aqui para quem souber lapidar
Para quem souber entender
Para quem quiser me amar

  © Blogger template Werd by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP