12 de jun de 2012

Baú

E aquilo tudo que estava guardado veio à tona...
Foi buscar no baú do porão coisas do passado
Encontrou sentimentos ressecados e dores mal curadas
Encontrou histórias mal contadas e pessoas mal amadas.

Naquele baú tinham dores de cotovelo, ciúmes, insegurança e falta de amor próprio
Mexeu e remexeu no baú de forma que não dava mais para fechá-lo
Todos os sentimentos misturados estavam tentando fugir
E ela sem saber o que fazer
Foi deixando eles irem embora...

Vazia de sentimentos e intensa de sensações ela por ali fica...




3 comentários:

Pedro Brasil Jr disse...

Keila! Gostei dos seus textos.
Desejo reproduzir este do Baú no meu blog, mas preciso do seu nome completo para o crédito.
Se estiver tudo bem, me avise:
petersellos@yahoo.com.br
Meu blog fica: www.guardiaodoportal.blogspot.com
e
columbianews2008.blogspot.com

Tudo de bom pra você!

Natália disse...

Eu tenho um baú tão trancado e abarrotado que quando eu resolvo mexer nele o mundo todo estremece junto...

Achei tão tristemente lindo: "Vazia de sentimentos e intensa de sensações ela por ali fica..."

=/

Bjao!

Maria disse...

Mexer no passado é complicado porque às vezes a gente não quer deixar passar coisas que já passaram. Mas não deixa de ser bonito reencontrar quem fomos...

um beijo, minha querida.

  © Blogger template Werd by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP