12 de fev de 2011

Não me deixe

Eu só vou entender se você me explicar
É impossível caminhar sem ter um destino
Sem saber onde quer chegar ou para onde está indo
Entender as entrelinhas não faz parte de mim
Saber o que significa uma ausência são tantas coisas
Não me faça querer descobrir pelos meus pensamentos o que penso ser
Meu pensamento é criativo e voa longe
Voa para lugares que até não existem
Não me deixe fora dai
Sinto-me tola
ou ingênua

Não me deixe perceber que por mais uma vez eu acreditei em vão

Não...

2 comentários:

Maria disse...

Pior do que não ter um destino, é não caminhar... Segue, teus pés fazem teu caminho.

Nada é em vão!

...

Beijos, Kê.
Você é uma querida. =)

Maris Stella disse...

Belo poema! Pela semelhança com meus próprios sentimentos, pareceu traduzir a mim mesma.

Paz e Bem!

  © Blogger template Werd by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP