2 de out de 2011

Tão pouco

É uma briga por conta de uma besteira
E porque a porta do carro ralou no poste
É porque a vaga que era sua, que você deu seta avisando que ia entrar do estacionamento do supermercado foi ocupada por alguém bem mais rápido e bem mais esperto que você
É o tipinho "to nem ai" para aquele cara que está ai para você, enquanto você fica treinando o que vai ou não falar para ele não perceber
É tanta coisa
E tanta coisa pequena, ínfima!
Tantos detalhes que se tornam gigantes diante da covardia do mundo que a gente fica assim
Com medo
Pensando em como se esconder diante do mundo
Em como não demonstrar sentimento
Um dia iremos embora deste mundo e ai?
Ainda vai valer a pena?

(texto feito em homenagem a irmã de uma amiga que eu não cheguei a conhecer, mas que faleceu dormindo hoje)

2 comentários:

CarolBorne disse...

esse nosso ascendente em virgem é coisa séria, viu?

:) disse...

Nem me fale viu...
Bj

  © Blogger template Werd by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP